A Revelação de Deus – Ele se Revelou

 revelac3a7c3a3o - A Revelação de Deus - Ele se Revelou

Por: Patrick Duarte

“Quando se trata de conhecer a Deus, toda a iniciativa depende dEle. Se Ele não se quiser revelar, nada do que façamos nos permitirá encontra-lo.” (C.S. Lewis)

A citação acima é de um escritor muito conhecido e uma de suas obras é a saga “As Crônicas de Nárnia”. A frase acima pode causar, em certas pessoas, um certo “desconforto” em relação a afirmação do autor. Algumas perguntas podem surgir como: Se Ele não quiser, por quê devo buscar?, ou Como encontrá-lo se talvez Ele não quer?

Segundo o dicionário, Revelar significa: Tirar o véu; deixar ver; patentear, mostrar, descobrir, fazer conhecer o que era ignorado ou secreto; Teologia falando-se de Deus, fazer conhecer por uma inspiração sobrenatural.

Com essa definição da palavra “revelar” podemos concluir que conhecer e revelar estão na mesma linha de raciocínio, ou seja, significam a mesma coisa. Então a frase fala objetivamente de conhecer a Deus. Mas será que Deus, em algum momento, pode não querer se revelar a nós?

Na Teologia partimos de três pressupostos: Deus existe; Ele pode ser conhecido (não de modo completo); e que Ele pode ser revelado por meio das suas obras e principalmente pela sua Escritura Sagrada.

A partir desse ponto temos a seguinte questão: Como podemos conhecer a Deus sem analisarmos e estudarmos quem Ele é, quem somos nós perante Ele? A iniciativa é dEle ou nossa?

A “iniciativa” que estamos falando já foi feita a muito tempo. Deus iniciou sua revelação desde os primórdios (Gênesis 1.1). Infelizmente muitos incrédulos rejeitam, sem ao menos conhecer, qualquer possibilidade da revelação divina. Eles negam as Escrituras.

 Diz o néscio no seu coração: não há Deus. Salmos 14:1

 Por causa do seu orgulho, o ímpio não investiga; todas as suas cogitações são: não há Deus. Salmos 10:4

 

Podemos observar que a questão na revelação não é Deus querer ou não e sim, se o homem aceita realmente que quer conhecer a Deus. A Revelação Divina pode ser dividida em duas partes: Revelação Geral e Revelação Especial.

 

Revelação Geral

Revelação dada à partir da criação. A existência de Deus vem no observar das suas obras, da natureza, do universo, por varias manifestações que podem chegar ao conhecimento das pessoas. Por natureza o homem têm o que é chamado de “Testemunho interno” onde o espírito do homem testifica pela existência de um ser divino e isso pode ser comprovado dando o exemplo: por todas as culturas em tempos e lugares diferentes, que sempre buscaram algo superior a elas para acreditarem e colocarem a sua crença.

A natureza por si só é um espetáculo, imaginem agora a imensidão do espaço. A ordem dos planetas no Sistema Solar, a posição da Terra em relação ao Sol, a atmosfera que permite a vida, a camada de Ozônio – mesmo sendo destruída – que nos protege do excesso de raios solares. Além de toda essa estrutura, temos a história dos judeus, o teste de fé de Abraão, a vida de Moisés e o próprio Messias. A história da antiga Israel está na Bíblia e é por si só uma grande Revelação de Deus.

 

Os céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos. Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite mostra sabedoria a outra noite. Salmos 19:1-2

 

Revelação Especial

Esse é o meio que Deus escolheu para se revelar ao homem, através de meios milagrosos, como aparições, milagres, visões, da Palavra de Deus e na pessoa de Jesus Cristo. Na bíblia podemos encontrar algumas referências ao aparecimento de Deus em forma física, um exemplo se encontra em Êxodo 3: 1-4. Também encontramos referências a visões e Deus falando através dos sonhos. Gênesis 15:1 e Daniel 2.

E apascentava Moisés o rebanho de Jetro, seu sogro, sacerdote em Midiã; e levou o rebanho atrás do deserto, e chegou ao monte de Deus, a Horebe. E apareceu-lhe o anjo do SENHOR em uma chama de fogo do meio duma sarça; e olhou, e eis que a sarça ardia no fogo, e a sarça não se consumia. E Moisés disse: Agora me virarei para lá, e verei esta grande visão, porque a sarça não se queima. E vendo o SENHOR que se virava para ver, bradou Deus a ele do meio da sarça, e disse: Moisés, Moisés. Respondeu ele: Eis-me aqui. Êxodo 3:1-4

 

A Bíblia também é uma forma especial na revelação, pois ela foi inspirada pelo Espírito de Deus (2 Timóteo 3: 16-17) para ser escrita por cada autor de forma fiel aos acontecimentos, registrando e levando a toda humanidade. O homem é, desde seu nascimento, um ser imperfeito e não confiável quando se trata da forma oral. Durante tantos anos, tempos e lugares, se só existissem registros orais, a Palavra de Deus poderia ter sido modificada. Sabendo disso Deus utilizou das escrituras para ser o registro de revelação de Si mesmo, de forma que não poderás ser modificada e nem alterada. – Sabendo que, muitos hoje ainda tentam adequar a Palavra de Deus a suas vidas, manipulando pessoas e sua fé.

Dentro da Revelação Especial temos a parte mais importante de Sua revelação. Jesus Cristo. Deus se fez carne, se tornou humano para se identificar conosco, nos ensinar, nos dar exemplo e acima de tudo isso dando sua própria vida na cruz para nos salvar. Deus revelou tudo aquilo que Ele permitiu que fosse revelado ao homem e tudo isso pode ser encontrado nas escrituras.

 E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade. João 1:14

 

A Revelação de Deus depende da sua sede pela verdade, de ler as escrituras para conhecer as maravilhas que já foram feitas nas histórias antigas. Como você pode querer que Deus se revele, se você não almeja encontrá-lo, se não deseja conhecê-lo. A Palavra de Deus é viva e pode transformar sua vida, desde que você acredite e ame tudo aquilo que vem da parte de Deus. Não basta apenas ler ou decorar a bíblia, o conhecer vem através do praticar e o praticar é a verdadeira obra de conhecimento de Deus. O Senhor tem se revelado todos os dias, a toda hora, só basta que você saiba identificar Deus na sua vida e permitir que Ele faça a obra no seu coração.

Quanto mais buscarmos ao Senhor – de coração – mais da presença de Deus teremos em nossas vidas.

 Filho meu, se aceitares as minhas palavras, e esconderes contigo os meus mandamentos, Para fazeres o teu ouvido atento à sabedoria; e inclinares o teu coração ao entendimento; Se clamares por conhecimento, e por inteligência alçares a tua voz,Se como a prata a buscares e como a tesouros escondidos a procurares, Então entenderás o temor do SENHOR, e acharás o conhecimento de Deus. Provérbios 2:1-5

Veja Também  Milagres do Paraíso e Deus Não Está morto 2 lideram o público cristão nos cinemas

Patrick Duarte

Patrick Duarte, CEO do Blog Pensamento Livre. Jornalista (MTB 0082370/SP). Adorador e escritor. Músico e Professor na Escola Bíblica Dominical (AD – Taboão). Piadista nas horas vagas. Acima de tudo, Servo do Deus!!!

Um comentário em “A Revelação de Deus – Ele se Revelou

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: